Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2016

Sublime Encontro - Auta de Souza

Sublime Encontro
Se procuras o Cristo Soberano, Por excelso refúgio às próprias dores. Busca, hoje e amanhã, por onde fores, O torturado coração humano.
Desce ao vale dos grandes amargores, Onde revelam sofrimento insano A aflição, a miséria e o desengano, Entre flagelos purificadores
Desce à feição do sol na noite fria, Guardando a caridade por teu guia, Ajudando e servindo a cada hora...
E, ante a luz da Divina Primavera, Encontrarás o Cristo que te espera, Crucificado em cada ser que chora.
Espírito: Auta de Souza Psicografia Francisco Cândido Xavier do Livro: Poetas Redivivos Frases e Mensagens Espíritas de Auta de Souza

Suicida - Honório Armond

Suicida
Preso e liberto, em treva e luz, a simultâneo Jogo de angústia e horror, junge-se à carne morta... Varara a sepultura, agredindo-lhe a porta, Estraçalhara a tiro as tênebras do crânio.
Desencarnado, enfim, mas cativo à comporta Da consciência a esvurmar-lhe o cérebro vulcâneo, Foge à furna e recua a terror instantâneo, Chora e espanta-se mais, grita e se desconforta...
Suicida!... Morto e vivo, arrasta-se, tateia, Ergue-se, treme, cai... Respira lodo e areia, No recinto abismal, sofre a verdade crua...
E, lá fora, a esperá-lo, o caminho opulento, O céu, a terra, o lar, a fonte, a flor, o vento... Buscara a morte em vão... A vida continua!...
Embora a dor e o pranto, não permitas Que a tua fé sublime se abastarde... Abraça a luta e segue para a frente, Antes que seja tarde.
Não olvides que o túmulo te espera Sem que a pompa terrena te resguarde. E busca em Cristo a Vida Soberana, Antes que seja tarde.
Espírito: Honório Armond Psicografia Francisco Cândido Xavier do Livro: Poetas R…

Meio Bem - Emmanuel

Meio Bem
“E porque estreita é a porta e apertado o caminho que leva à vida, poucos há que a encontrem.”  Jesus (Mateus, 7:14)
Frequentemente, somos defrontados por aqueles que admiram o amor aos semelhantes e que, sem coragem para cortar as raízes do apego si próprios, se afeiçoam às atividades do meio bem, continuando envolvidos no movimento do mal. 
Emprestam valioso concurso a quem administra, mas requisitam favores e privilégios, suscitando dificuldades. Financiam tarefas beneficentes, distendendo reais beneficentes, no entanto, cobram tributos de gratidão, multiplicando problemas. 
Entram em lares sofredores, fazendo­se necessários pelo carinho que demonstram, mas solicitam concessões que ferem, quais rijos golpes. 
Oferecem cooperação preciosa em socorrendo as aflições alheias, no entanto, exigem atenções especiais, criando constrangimentos. 
Alimentam necessitados e põem ­lhes cargas nos ombros. 
Acolhem crianças menos felizes, reservando-­lhes o jugo da servidão no abrigo famili…

Em Torno da Profissão - André Luiz

Em Torno da Profissão
A sua profissão é privilégio e aprendizado. Se você puser amor naquilo que faz, para fazer os outros felizes, a sua profissão, em qualquer parte, será sempre um rio de bênçãos. O seu cliente, em qualquer situação, é semelhante à árvore que produz, em seu favor, respondendo sempre na pauta do tratamento que recebe. Toda tarefa corretamente exercida é degrau de promoção. Em tudo aquilo que você faça, na atividade que o Senhor lhe haja concedido, você está colocando o seu retrato espiritual. Se você busca melhorar-se, melhorando o seu trabalho, guarde a certeza de que o trabalho lhe dará vida melhor. O essencial em seu êxito não é tanto aquilo que você distribui e sim a maneira pela qual você se decide a servir. Ninguém procura ninguém para adquirir condenação ou azedume. Sempre que alguém se queixe de alguém, está criando empeços na própria estrada para o sucesso. Toda pessoa que serve além do dever, encontrou o caminho para a verdadeira felicidade.
Médium: Francisc…

Súplica de Filho - Luís Roberto

Súplica de Filho 
Não me procures, Mãe, sob o jazigo Que recobres de jóias e açucenas!... Fita o campo das lágrimas terrenas, Levanta-te da lousa e vem comigo.
Aqui, chora a viuvez amargas penas, Ali, geme a orfandade ao desabrigo, Ergamos para a dor um pouso amigo E as nossas dores ficarão pequenas!...
Transformemos o luxo, Mãe querida, Em consolo, agasalho, pão e vida, Na inspiração do bem que nos governa!...
E seguiremos juntos, dia-a-dia, Convertendo a saudade escura e fria Em bendito calor de luz eterna.
Espírito: Luís Roberto Psicografia Francisco Cândido Xavier do Livro: Poetas Redivivos Frases e Mensagens Espíritas de: Luís Roberto

A Lição do Lenho - Arthur de Sales

A Lição do Lenho(Uma página aos médiuns)
Erguia-se, ditoso, o trono peregrino, Amava a passarada, o vale, a fonte, o vento!... Um dia, geme e tomba ao machado violento... Alguém surge e faz dele emérito violino.
Ninguém lhe viu no bosque o trágico destino, Hoje, porém, alheio ao próprio sofrimento, Comove multidões... E segue, humilde e atento, O artista que lhe tange o arcabouço divino.
Oh! coração, se o mal te fere, pisa, corta E te lança por terra a vida semimorta, Lembra o lenho harmonioso – intérprete profundo!
Entrega-te a Jesus e Jesus há de usar-te A transfundir-se a dor em luz, por toda a parte, Enxugando contigo as lágrimas do mundo!...
Espírito: Arthur de Sales Psicografia Francisco Cândido Xavier do Livro: Poetas Redivivos Frases e Mensagens Espíritas de Arthur de Sales

Espera Ainda - Valado Rosas

Espera Ainda
Estende-se, lá fora, a noite fria... Cai o forte aguaceiro em triste acento. E enquanto o temporal ruge, violento, Há soluços de dor na ventania...
Sofrem ninhos que a treva horrenda espia, Correm detritos pelo chão barrento... Nuvens bramindo estranho sofrimento Vertem raios de angústia e de agonia.
Mas, enquanto lá fora a tempestade Gera, ululando, o medo que te invade, Ora, confia, crê e espera ainda!...
Amanhã, belo e claro, o sol ridente Fulgirá no teu campo, novamente, E a luz celeste brilhará mais linda.
Espírito: Valado Rosas Psicografia Francisco Cândido Xavier do Livro: Poetas Redivivos Frases e Mensagens Espíritas de Valado Rosas

História de Quimquim - Cornélio Pires

História de Quimquim
Em carta, você pergunta, Meu caro Alírio Trindade, Como é que se desenvolve O dom da mediunidade.
Você termina, indagando Quanto ao nobre compromisso Qual a maneira mais certa De começar o serviço.
Ser médium, meu bom amigo, Em qualquer tempo e lugar, Pede atenção para o estudo E gosto de trabalhar.
Na alegria do começo, Qualquer irmão se equilibra, Mas a tarefa depois Precisa de muita fibra.
No assunto, quero contar-lhe O caso de um companheiro, Sei que você vai lembrá-lo: É o nosso Quinquim Monteiro.
Quinquim curou-se num Centro De uma dor no calcanhar, Notando a força da prece, Quis ser médium, trabalhar...
Iniciou-se, feliz, No "Grupo do Irmão Carlindo," Mas a obra foi crescendo E o trabalho foi subindo...
Muita gente em provação, Muita amizade a sofrer, "Servir e entender a todos" Passara a simples dever.
A tarefa perdurava Não se sabia até quando, Quinquim começou nas falhas E seguiu desanimando...
Nas noites de reuniões, Não negava a pró…

Oração do Padeiro - Meimei

Oração do Padeiro
Senhor!...
De espírito reconhecido, volto-me para o teu infinito Amor, agradecendo o trabalho que me concedeste.
Sou padeiro pela bênção de tua misericórdia e, enfornando o pão alheio, ganho honradamente o pão que me reservas.
Sê louvado pelo salário com que me beneficias a existência, no entanto, rendo-te graças, acima de tudo, pelas lições com que me clareias o entendimento.
Todos os dias preparo os ingredientes para fazer o pão que nos alimenta, contudo, isso não basta.
Reúno o trigo refinado, o fermento, a água e o sal sob a minha rigorosa atenção em doses justas, entretanto, para que o pão apareça é necessário o calor do forno.
Fazes-me saber, desse modo que a cultura requintada da inteligência, o fermento da imaginação, a água dos sentidos e o sal do discernimento não são suficientes para me tornarem agente capaz de nutrir ou confortar os outros em tua Criação Divina.
O pão necessita do forno, não tão fraco que tenda ao frio, nem tão forte que lembre o fogo. E,…

Maria Boneca - Epiphanio Leite

Maria Boneca
(Versos dedicados à dama feudal que abraçamos por devotada amiga,  há três séculos, e que hoje expia, na via pública, sob a alcunha de  Maria Boneca, o delito de haver exterminado o filho jovem  que lhe estorvava a existência de irresponsabilidade e prazer.)
Reencontrei-te, por fim, esmolando na rua. Nada recorda em ti a dama do castelo. Lembro-me!... Dás à fossa o filho louro e belo, Esqueces, gozas, ris... E a festa continua...
Depois, a morte vem... A memória recua... Escutas em ti mesma o trágico libelo, Choras, nasces de novo e trazes por flagelo A sede de ser mãe que a demência acentua!...
Como dói ver-te agora os tristes olhos baços! Guardas, louca de amor, um boneco nos braços, Em torno, há quem te apupe a trilha merencória...
Mas bendize, senhora, a lei piedosa e austera, Alguém vela por ti: o filho que te espera E há-de levar-te aos Céus em cânticos de glória!...
Espírito: Epiphanio Leite Psicografia Francisco Cândido Xavier do Livro: Poetas Redivivos Frases e Mensagens…

Assuntos de Tempo - André Luiz

Assuntos de Tempo
Se você já sabe quão precioso é o valor do tempo, respeite o tempo dos outros para que as suas horas sejam respeitadas.

Recorde-se de que se você tem compromissos e obrigações com base no tempo, acontece o mesmo com as outras pessoas.

Ninguém evolui, nem prospera, nem melhora e nem se educa, enquanto não aprende a empregar o tempo com o devido proveito.

Seja breve em qualquer pedido.

Quem dispõe de tempo para conversar sem necessidade, pode claramente matricular-se em qualquer escola a fim de aperfeiçoar-se em conhecimento superior.

Trabalho no tempo dissolve o peso de quaisquer preocupações, mas tempo sem trabalho cria fardos de tédio, sempre difíceis de carregar.

Um tipo comum de verdadeira infelicidade é dispor de tempo para acreditar-se infeliz. Se você aproveitar o tempo a fim de melhorar-se, o tempo aproveitará você para realizar maravilhas.

Observe quanto serviço se pode efetuar em meia hora.

Quem diz que o tempo traz apenas desilusões, é que não tem feito out…

Moeda e Trabalho - Emmanuel

Moeda e Trabalho
“Porque isto é também como um homem que, partindo para  fora  da  terra,  chamou  os seus servos  e  entregou-­lhes   os  seus bens.”  Jesus (Mateus, 25:14)
Se muitos corações jazem petrificados na Terra, em azinhavre de sovinice, fujamos de atribuir ao dinheiro semelhantes calamidades. Condenar a fortuna pelos desastres da avareza, seria o mesmo que espancar o automóvel pelos abusos do motorista. 
O fogo é companheiro do homem, desde a aurora da razão, e por  que surjam, de vez em vez, incêndios arrasadores, ninguém reclamará do mundo o disparate de suprimi­lo. 
Os anestésicos são preciosos auxiliares de socorro à saúde humana, mas se existem criaturas que fazem deles instrumentos do vicio, ninguém rogará da ciência essa ou aquela medida que lhes objetive a destruição. 
A moeda, em qualquer forma é agente neutro de trabalho, pedindo instrução que a dirija. 
Dirás provavelmente que o dinheiro levantou  os precipícios dourados da vida moderna, onde algumas inteligências s…

Para Auxiliar - Meimei

Para Auxiliar
 Seja onde for ou diante de quem for, compadece-te.
 Ninguém se aproximaria de ti, no intuito de aumentar a carga dos próprios sofrimentos.
 Há quem te busque na expectativa de obter uma fatia de pão ou alguma pequena parcela de teus recursos, no entanto, muito mais que semelhantes companheiros, outras criaturas te procurarão a companhia.
 Esse amigo suposto privilegiado da fortuna, conquanto a conversação amena com que se distingue, aguarda de ti essa ou aquela frase de reconforto, em vista de trazer o coração retalhado de angústia diante da esposa, a exigir-lhe separação; outro que conseguiu engajar-se no poder, em dialogando contigo, indiretamente, roga-te palavras de amparo que lhe balsamizem as enfermidades ocultas; e ainda outro que se te afigura inteligente, mas frívolo, escuta-te as impressões em torno desse ou daquele assunto, ansiando receber-te algum apontamento que lhe arranque as idéias de delinqüência.
 A mulher que te surge, à frente, adornada em excesso, …

Perguntas - André Luiz

Perguntas
Observe as próprias indagações, antes de formulá-las, adotando o silêncio sempre que não tiverem finalidade justa. Valiosa demonstração de entendimento e de afeto visitar amigos ou recebê-los sem perguntas quaisquer. Ampare quantos lhes compartilham a vida, sem vascoleja-lhes o coração com interrogatórios desnecessários. Arrede da boca as inquirições sem proveito sobre a família do próximo. Não faça questionários quanto à vida íntima de ninguém. Entretecer apontamentos sem necessidade, com relação à idade física de alguém, não é apenas falta de tato e gentileza, mas também ausência de caridade e de educação. Se você nutre realmente amizade por essa ou aquela pessoa, sem qualquer expectativa de tomar-lhe a companhia para a convivência mais íntima, aceite-a tal qual é sem pedir-lhe certidão do estado civil em que se encontra. Indiscrição, leviandade, curiosidade vazia ou malícia afastam de quem as cultiva as melhores oportunidades de elevação e progresso. O amor verdadeiro aux…

Terra Máter - Alves de Faria

Terra Máter 
Tantas vezes, chamei-te férreo muro, Oh! Terra maternal, próvido abrigo, Hoje em preces de júbilo bendigo O teu cálix de dor áspero e duro.
Beijo-te, agora, o chão... Quero e procuro A redenção em lágrimas contigo, Hosanas ao teu colo ardente e amigo, Restauração e sol do meu futuro!...
Envolve-me de pranto, sonho e luta, Lava-me o coração de pedra bruta Em teus rios de amor piedoso e terso!...
Mãe silenciosa e boa, mãe querida, Abre-me o seio, em luz de nova vida, Dá-me o consolo e a paz de novo berço!...
Espírito: Alves de Faria Psicografia Francisco Cândido Xavier do Livro: Poetas Redivivos Frases e Mensagens Espíritas de Alves de Faria

Sigamos Além - João de Deus

Sigamos Além
Não te entregues, meu irmão, Ao frio da indiferença, Que o desânimo é doença. Regelando o coração. Se há males e dores mil Que volvem ao corpo, em bando, Há micróbios atacando A nossa vida sutil.
Repara o sol a brilhar, Sem tristeza e sem fadiga, Desde o céu à terra amiga, Nas nuvens, no chão, no mar... O ninho irradia amor, A fonte clara desliza, Serve a chuva, serve a brisa, Serve o grão e serve a flor.
Levanta-te e segue além!... Vence a aflição, vence a prova Somente quem se renova, Nas leis do Infinito Bem. Desalento é negação. Acorda, avança, porfia! Serviço de cada dia É senda de perfeição
Espírito: João de Deus Psicografia Francisco Cândido Xavier do Livro: Poetas Redivivos Frases e Mensagens Espíritas de  João de Deus

Ah, Meu Amor - Clarice Lispector

Ah, meu amor, não tenhas medo da carência: ela é o nosso maior destino. 
O amor é tão mais fatal do que eu havia pensado, o amor é tão inerente quanto a própria carência, e nós somos garantidos por uma necessidade que se renovará continuamente. 
O amor já está, está sempre. 
Falta apenas o golpe da graça - que se chama paixão.

Clarice Lispector
Frases e Mensagens da obra de Clarice Lispector

Donativo da Alma - Emmanuel

Donativo da Alma
“Bem­aventurados  os  que são  misericordiosos,   porque  alcançarão misericórdia.”   Jesus (Mateus, 5:7)
Reflete nas provações alheias e auxilia incessantemente. Louvado para sempre o trabalho honesto com que te dispões a minorar as dificuldades dos semelhantes, ensinando-­lhes a encontrar a felicidade, através do esforço digno. 
Bendita a moeda que deixas escorregar nas mãos fatigadas que se constrangem a implorar o socorro publico.
Inesquecível a operação da beneficência, com a qual te desfazes de recursos diversos para que não haja penúria na vizinhança. 
Abençoado o dia de serviço  gratuito que prestas no amparo aos companheiros menos felizes. 
Enaltecido o devotamento que empregas na instrução aos viajores do mundo, que ainda se debatem nos labirintos da ignorância. 
Glorificado o conselho fraterno com que te decides a mostrar o melhor caminho. 
Santo o remédio com que alivias a dor.
Inolvidáveis todos os investimentos que realizes no Instituto Universal da Providê…

Trovas de Amor Imortal

Trovas de Amor Imortal 
Duas certezas na Terra, Nas lutas de qualquer nível: A vida, navegação. A morte, porto infalível.
Por mais sábio ou mais profundo Que se articule um conceito, Na há conceito no mundo Que defina o amor perfeito.
Amor que nunca se olvida Guarda sempre a mesma sorte: Ligação de vida em vida, Saudade de morte em morte.
Morri... Deixei-te...Casaste... E nosso amor não tem fim... És rosa fora da haste, Mas rosa do meu jardim.
Amor... Amor que eu conheço Pode ser obsessão, Mas persiste a qualquer preço, Nunca sai do coração.
Espírito: Lívio Barreto Médium: Francisco Cândido Xavier Livro: Trovas do Outro Mundo Frases e Mensagens Espíritas de: Lívio Barreto

Sempre Amor - Jorge Matos

Sempre Amor
Torno, ansioso, da morte à casa que deixara... Os meus, o lar, o amor... Eis tudo o que ambiciono, Entro. Lá fora, o parque, a tristeza, o abandono... Mormaço, plenilúnio, o vento, a noite clara...
Debalde grito, corro, observo, inspeciono... Subo. Um morcego ronda pequena almenara... Nada. Ninguém me espera. A vida desertara. Tudo silêncio e pó de tapera sem dono...
Sofro desilusão que o mundo não descreve, Mas alguém abre a porta e me chama, de leve... Fito pobre mulher... Na face, o olhar sem brilho...
Conheço-a!... Minha mãe!... Quanta saudade, quanta!... Vem lembrar-me a rezar... Beijo-lhe as mãos de santa!... Ela chora e repete: “Ah! meu filho! meu filho!...
Espírito: Jorge Matos Psicografia Francisco Cândido Xavier do Livro: Poetas Redivivos Frases e Mensagens Espíritas de  Jorge Matos

Auxilia - Auta de Souza

Auxilia
Ouve!... Ruge, lá fora, a ventania... E enquanto o lar ditoso te acalenta, Há quem padece os golpes da tormenta Suportando a ansiedade e a noite fria.
Repara a estrada longa, erma e sombria... Eis que a dor te acompanha, amarga e atenta. Desce do altar de luz que te apascenta E socorre a miséria que te espia.
Ajuda e sentirás em resplendores Luzes e auroras, júbilos e flores
A brotar dos charcos em que pises!... Estrelas fulgirão sobre os teus passos... É que o Cristo do amor te estende os braços Junto às chagas dos grandes infelizes!...
Ditado pelo Espírito: Auta de Souza Livro: Auta de Souza Médium: Francisco Cândido Xavier Frases e Mensagens Espíritas de Auta de Souza

Dificílimo Contar - Clarice Lispector

"Já entrei contigo em comunicação tão forte que deixei de existir sendo.  Tu tornas-te um eu.  É tão difícil falar e dizer coisas que nunca podem ser ditas.  É tão silencioso.  Como traduzir o silêncio do encontro real,  entre nós dois Dificílimo contar:  olhei para você fixamente por uns instantes,  tais momentos são meu segredo.  Houve o que se chama de comunhão perfeita. Eu chamo isso de estado agudo de felicidade." Clarice Lispector Frases e Mensagens da obra de Clarice Lispector

Na luz da Indulgência - Emmanuel

Na luz da Indulgência
“E se  ao  que  quiser  pleitear  contigo tirar-­te  o  vestido, larga-­lhe também a capa”  Jesus (Mateus, 5: 4O)
Anseias pela vitória do bem, contudo, acende a luz da indulgência para fazê-­lo com segurança. Todos nós, espíritos imperfeitos, ainda arraigados à evolução da Terra, reclamamos concurso e compaixão, uns dos outros, mas nem sempre sabemos por nos mesmos quando surgimos necessitados de semelhantes recursos. 
Em muitas circunstâncias, estamos cegos da reflexão, surdos do entendimento, paralíticos da sensibilidade e anestesiados na memória sem perceber o irmão da luta de ontem. Mostra-se hoje em plena abastança material, delirando na ambição desenfreada. 
Certo, aspiras a vê­lo recambiado ao próprio equilíbrio, a fim de que o dinheiro lhe sirva de instrumento à felicidade, no entanto, para isso, não comeces por censurar-lhe o procedimento. 
Usa a indulgência e renova-­lhe o modo de pensar e de ser. O amigo escalou  a evidência pública, fazendo-­se verdugo …

No Correio Fraterno - Humberto de Campos

No Correio Fraterno
Meu amigo, diz você, em vernáculo precioso, que a crença nos Espíritos desencarnados é característico de miséria intelectual.
Em sua conceituação de garimpeiro da retórica, os problemas do Espiritualismo contemporâneo se resumem a uma exploração de baixa estirpe, alimentada por uma chusma de idiotas, nos quais o sofrimento ou a ignorância galvanizaram o complexo da fé inconsciente.
Com a maior sem-cerimônia deste mundo, assevera você que a convicção dos espiritistas de hoje é uma peste mental, surgida com Allan Kardec, no século passado, e acentua que o pensamento aristocrático da antiguidade jamais cogitou de semelhante movimentação idealística.
O seu noviciado no assunto é claro em demasia para que nos disponhamos a minuciosa escarificação do pretérito.
Se puder escutar-nos, no entanto, por alguns momentos, não nos meta a ridículo se lembrarmos que a idéia da imortalidade nasceu com a própria razão no cérebro humano.
Não sei se você já leu a história do Egito, ma…

Vida e Morte - Emmanuel

Vida e Morte 
A vida é luz, doação, alegria e movimento.
A morte é sombra, egoísmo, desalento e inércia.
Analisa as forças vivas que te rodeiam e observarás a natureza a desfazer-se em cânticos de trabalho e de amor, assegurando-te bem estar.
É a árvore a crescer na produção intensiva, o manancial em atividade constante para garantir-te a existência, a atmosfera a refazer sem cessar os elementos com que te preserva a saúde e o equilíbrio.
Mas, não longe de ti podes ver igualmente a morte no poço estagnado em que as águas se corrompem, na enxada inútil que a ferrugem devora, no fruto desaproveitado que a corrupção desagrega.
Depende de ti acordar e viver, valorizando o tempo que o Senhor te confere, estendendo o dom de auxiliar e aprender, amar e servir.
Muitos nascem e renascem no corpo físico, transitando da infância para a velhice e do túmulo para o berço, à maneira de almas entorpecidas no egoísmo e na rebelião, na ociosidade ou na delinqüência, a que irrefletidamente se acolhem.
A…

Risco do Acaso - Clarice Lispector

E será inútil esforçar-se para esquecer, tudo o que um dia se misturou carregará consigo partículas do outro.  Talvez venha o arrependimento, o recomeço, as cores voltem a brilhar como antes, mas não se pode contar com isso.  Não se pode contar com nada.  O único caminho viável é viver e correr o sagrado risco do acaso.
E substituir o destino pela probabilidade.

Clarice Lispector Frases e Mensagens da obra de Clarice Lispector

Argila - Herculano Pires

Argila
Quantas vezes me ergueste da lama da terra modelando os meus corpos como um oleiro paciente.
Quantas vezes me atiraste à poeira dos séculos fazendo-me girar de mão em mão no banquete do povos.
Quantas vezes de novo me arrancaste dos anéis de estrelas do destino a cinza do Tempo.
Mas, através das formas e das eras o Teu sopro me impele. E a indelével marca dos teus dedos assinala a argila.
Espírito: Herculano Pires Livro; Antologia de Poetas Espíritas Médium: Francisco Cândido Xavier Frases e Mensagens Espíritas de  Herculano Pires

Benditas Sejas - Auta de Souza

Benditas Sejas
Bendita sejas, mão piedosa e pura, Em cujos doces dedos, de mansinho, A caridade tece o brando arminho Com que afagas miséria e desventura.
Estrela fulgurante em noite escura, És a consolação, a paz e o ninho Dos aflitos, que choram no caminho, Sob as chagas da sombra e da amargura...
Mão que repartes luz, pão e agasalho, Coroada na glória do trabalho,
A refulgir em todas as igrejas!... Por toda a gratidão que te abençoa, Mão que ajudas, contente, humilde e boa, Deus te guarde, feliz! Bendita sejas!...
Ditado pelo Espírito: Auta de Souza Livro: Auta de Souza Médium: Francisco Cândido Xavier Frases e Mensagens Espíritas de Auta de Souza

Canção Materna - Auta de Souza

Canção Materna
Filho do coração, além das dores Da cruz de pranto que te dilacera, Fulge, sublime, excelsa primavera Ao sol do amor de todos os amores.
Agradece os espinhos e amargores Em que te afliges sob a longa espera... E lançando ao futuro a alma sincera, Vara, gemendo, os trilhos redentores.
Chora, louvando as lágrimas doridas Que nos lavam as sombras de outras vidas
Como forças de imensa tempestade... Trabalha, serve e crê, ama e confia E ascenderás à glória da alegria No coração de luz da Eternidade.
Ditado pelo Espírito: Auta de Souza Livro: Auta de Souza Médium: Francisco Cândido Xavier Frases e Mensagens Espíritas de Auta de Souza