Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2016

Antagonistas - André Luiz

Antagonistas
O adversário em quem você julga encontrar um modelo de perversidade talvez seja apenas um doente necessitado de compreensão. Reconheçamos o fato de que, muitas vezes, a pessoa se nos torna indigna simplesmente por não nos adotar os pontos de vista. Nunca despreze o opositor, por mais ínfimo que pareça. Respeitemos o inimigo, porque é possível seja ele portador de verdades que ainda desconhecemos, até mesmo em relação a nós. Se alguém feriu a você, perdoe imediatamente, frustrando o mal no nascedouro. A crítica dos outros só poderá trazer-lhe prejuízo se você consentir. A melhor maneira de aprender a desculpar os erros alheios é reconhecer que também somos humanos, capazes de errar talvez ainda mais desastradamente que os outros. O adversário, antes de tudo, deve ser entendido por irmão que se caracteriza por opiniões diferentes das nossas. Deixe os outros viverem a sua própria vida e eles deixarão você viver a existência de sua própria escolha. Quanto mais avança, a ciênc…

Minha Covardia - Clarice Lispector

Estou desorganizada porque perdi o que não precisava?  Nesta minha nova covardia, a covardia é o que de mais novo já me aconteceu, é a minha maior aventura, essa minha covardia é um campo tão amplo que só a grande coragem me leva a aceitá-la, na minha nova covardia, que é como acordar de manhã na casa de um estrangeiro, não sei se terei coragem de simplesmente ir. Clarice Lispector Frases e Mensagens da obra de: Clarice Lispector

Lucífugos - Manuel Quintão

Lucífugos
Um dia, pobre verme a custo rastejando De sob um tronco velho, apodrecido, veio De fenda em fenda, fora, a luz do sol buscando Num tremendo lutar, num doloroso anseio.
E ao sair daquele antro enegrecido e feio Ele que até então a noite houvera, quando Viu do sol toda a luz e recebeu-a em cheio, Ficou tonto de luz e morreu delirando:
Assim, na vida humana, o homem, triste verme, À face do planeta – o tronco envilecido –
Busca o sol da verdade, a verdade encontrando: Mas cego de esplendor, quantas vezes, inerme Escravo do passado à luz não convertido, A si mesmo se nega e morre a um Deus negando!
Espírito: Manuel Quintão Livro; Antologia de Poetas Espíritas Médium: Francisco Cândido Xavier Frases e Mensagens Espíritas de  Manuel Quintão

Minha Insegurança - Clarice Lispector

Não. Sei que ainda não estou sentindo livremente, que de novo penso porque tenho por objetivo achar, e que por segurança chamarei de achar o momento em que encontrar um meio de saída.  Por que não tenho coragem de apenas achar um meio de entrada?  Oh, sei que entrei, sim.  Mas assustei-me porque não sei para onde dá essa entrada.  E nunca antes eu me havia deixado levar, a menos que soubesse para o quê.
Clarice Lispector Frases e Mensagens da obra de: Clarice Lispector

Franqueza e Caridade

Franqueza e Caridade
Você nos pede notícias Prezada Nina Tereza, Sobre aquilo que pensamos De caridade e franqueza.
Diz você: _ "Fale, Cornélio, Sobre a luta que me invade, Se sou franca, sou cruel, Se não sou, falto à verdade.
Tanta gente me reprova... Quanto a você, que me diz? Desejando ser sincera, Estou cansada e infeliz."
Entendo, querida irmã, O que procura expressar, Também eu busco aprender Como devo conversar.
O assunto é vasto e difícil, Nem pode ser diferente; A pretexto de ser franco Já feri a muita gente.
No mundo, toda verdade Roga cautelas em bando, Porque a verdade por si É força sempre mudando...
Tudo o que surge na Terra Exige renovação, A criança nasce e cresce, O doente fica são.
Terra seca se adubada Converte-se em gleba rica, O pedreiro faz a casa E a casa se modifica.
Por isso, quanto a progresso, Nada vai sem esperança, Qualquer estudo, em si mesmo, Está na lei da mudança.
Eis porque sinceridade Não deve fugir do bem, Quem ama serve e auxilia Sem com…

Ficar Triste - Clarice Lispector

Recuso-me a ficar triste.  Sejamos alegres.  Quem não tiver medo de ficar alegre e experimentar uma só vez sequer a alegria doida e profunda terá o melhor de nossa verdade.  Eu estou-  apesar de tudo  oh apesar de tudo - estou sendo alegre neste instante Clarice Lispector
Frases e Mensagens da obra de Clarice Lispector

Vertigem da Procura - Lygia de Andrade Barbosa

Vertigem da Procura
Do abismo primitivo – a paz elástica... A levitação serena do sonhar acompanhando a alma dilatada à fonte do início e do nunca findar...
A Verdade. Sobretudo a Verdade! A expulsão do medo e das formas, evoluindo na música da Eternidade. O contato das estrelas, o assombro
da posse sideral, sentir os rasgões de luz sobre o corpo humano e brotar das feridas o clarão da alma. A vertigem dos cometas,
correndo pelos nossos olhos espírito. O ardor etérico iluminando o gesto na revoada de sonhos ao Infinito. A dança evolutiva das nebulosas sem tempo,
a boêmia contagiante dos astros plebeus. Sempre o voo – sempre o eterno voo! – e o encontro fatal marcado com Deus!
Espírito: Lygia de Andrade Barbosa Livro; Antologia de Poetas Espíritas Médium: Francisco Cândido Xavier Frases e Mensagens Espíritas de Lygia de Andrade

A Queda - Lygia de Andrade Barbosa

A Queda
Eu sou assim, dispersa, talvez um sonho, um mito, sou alma submersa no mistério do Infinito.
A minha voz destronada de cigarras outonais são respingos de saudades na cantiga dos meus ais.
Quem sou eu?... – espectro, sem caminhos, longe das águias reais que fazem nas nuvens seus ninhos.
As asas que viajaram o meu sonho diluíram-se na carne que tu multa. No silêncio da morte no corpo eu sinto, tremendo, uma alma sepulta.
Eu sou assim, a saudade de uma existência vivida... Talvez, uma montanha branca nos céus, noiva do espaço, de nuvens vestida
e com flores de neve caindo aos pés. Eu sou a lágrima de uma amplidão, o rastro de luz de uma estrela correndo. Sou o fantasma brilhando na escuridão de um cadáver, em chamas, nos céus morrendo...
Espírito: Lygia de Andrade Barbosa Livro; Antologia de Poetas Espíritas Médium: Francisco Cândido Xavier Frases e Mensagens Espíritas de Lygia de Andrade

Conversa com Jesus - Maria Dolores

Conversa com Jesus
Senhor!  Não lastimamos tanto Contemplar no caminho a penúria sem nome, Porque sabemos que socorrerás Os famintos de pão e os sedentos de paz; Dói encontrar na vida Os que fazem a fome. Ante aqueles que choram
Não lamentamos tanto, Já que estendes o braço Aos que gemem de angústia e cansaço; Deploramos achar nas multidões do mundo Os que abrem na Terra as comportas do pranto.
Não lastimamos tanto os que se esfalfam Carregando a aflição de férrea cruz, De vez que nós sabemos quanto assistes Os humildes e os tristes; Lastimamos os cérebros que brilham E sonegam a luz
Não deploramos tanto os que suportam Sarcasmo e solidão na carência de amor, Porquanto tens as mãos, hora por hora, No consolo e no apoio a todo ser que chora; Lamentamos fitar os amigos felizes Que alimentam a dor.
É por isso, Jesus, que nós te suplicamos: Não nos deixes seguir-te o passo em vão, Que o prazer do conforto não nos vença, Livra-nos de tombar no pó da indiferença... Inda que a provação nos s…

Avancemos - Auta de Souza

Avancemos
Vara a tormenta de granizo e lama Que te vergasta a noite escura e fria, E, erguendo em prece a taça da agonia, Sorve gemendo o fel que se derrama.
De alma cansada e pensamento em chama, Ouve em silêncio a enorme gritaria Da turba que te fere e calunia Descendo para a treva que a reclama.
De peito aberto por sinistras lanças, Sob as pedras e farpas em que avanças,
Bendize a senda estreita e atormentada!... Chora, mas segue alçando a luz sublime, Que, além da sombra que te envolve e oprime, Fulgura o céu de nova madrugada...
Ditado pelo Espírito: Auta de Souza Livro: Auta de Souza Médium: Francisco Cândido Xavier Frases e Mensagens Espíritas de Auta de Souza

Medo de Viver - Clarice Lispector

Ontem, no entanto, perdi durante horas e horas a minha montagem humana. Se tiver coragem, eu me deixarei continuar perdida. Mas tenho medo do que é novo e tenho medo de viver o que não entendo quero sempre ter a garantia de pelo menos estar pensando que entendo, não sei me entregar à desorientação.
Clarice Lispector Frases e Mensagens da obra de: Clarice Lispector

Transição - Walter José Faé

Transição
Hirta, gelada, as mãos em cruz no peito, Por entre os círios que se esvaem chorosos, É morta a jovem para o humano olhar. Pálida e magra, as faces maceradas, Olhos vendados para a luz terrena, Dorme a carcaça que foi moça um dia. Os brancos lábios foram rubros ontem, As mãos inertes foram mãos tocadas Por outras portadoras de carícias. Extinguiu-se a matéria impura, ignóbil, Sonhos, venturas, glórias – vão com ela Na transição funérea para os homens. Os tristes círios se apagando vão, Hirta, gelada, só matéria fria, Dorme a donzela. Mas, ao despertar Lá nas ignotas regiões do Além Vislumbrará de Deus as mãos benditas E a verdadeira Vida irá viver.
Espírito: Walter José Faé
Livro; Antologia de Poetas Espíritas Médium: Francisco Cândido Xavier Frases e Mensagens Espíritas de Walter José Faé

Na Hora da Caridade - Emmanuel

Na Hora da Caridade
Não te furtarás ao serviço de emenda e nem recusarás a constrangedora obrigação de restaurar a realidade, mas unge o coração de brandura para corrigir abençoando e orientar construindo!... A dificuldade do próximo é intimação à beneficência, entanto, assim, como é preciso condimentar de amor o pão que se dá para que ele não amargue a boca que o recebe, é indispensável também temperar de misericórdia o ensinamento que se ministra para que a palavra esclarecedora não perturbe o ouvido que a recolhe. Na hora da caridade, não reflitas apenas naquilo que os irmãos necessitados devem fazer!...  Considera igualmente aquilo que lhes não foi possível fazer ainda!... Coteja as tuas oportunidades com as deles.  Quantos atravessaram a infância sem a refeição de horário certo e quantos se desenvolveram, carregando moléstias ocultas!  Quantos suspiraram em vão pela riqueza do alfabeto, desde cedo escravizados à tarefas de sacrifício e quantos outros cresceram em antros de sombra…

Soneto - Leôncio Correia

Soneto
O céu azul e transparente... um vago, Suave olor de recendentes rosas Por tudo, em tudo morno e doce afago: Dos ninhos às campinas silenciosas.
O vento passa, de amoroso, – gago Por entre as ramarias sonorosas Bailam os raios do luar no lago Como trêmulas sombras vaporosas.
Soluça no luar um doidejante harpejo Voluptuoso, febril, lascivo, ardente Tal como o ruído de um primeiro beijo.
E as estrelas no céu cercam a lua: – Odaliscas guardando eternamente Alva sultana eternamente nua.
Espírito: Leôncio Correia Livro; Antologia de Poetas Espíritas Médium: Francisco Cândido Xavier Frases e Mensagens Espíritas de Leôncio Correia

Finados! - José Brasil

Finados!
Festa no cemitério! Hoje é dia de Finados! Levam flores, levam velas, castiçais e jarros lindos, delicados.
Muitos, de preto vestidos, outros, de branco também, arrumam as flores, acendem as velas, rezam terço... Padre Nosso, Ave Maria... Dizem – Amém.
Quantas sombras tristes, vagam em torno das lousas frias, sem notar a beleza das flores, o fulgor da luz das velas, nem sentir o poder dos terços, Padre-Nossos... Ave-Marias. Hoje é dia de festa no cemitério! Hoje é dia de finados!
E que adiantam flores, velas, jarros, castiçais na festa do cemitério neste dia de Finados?
Pra que cantos funerários, se os que partiram – partiram – não estão ali plantados, não necessitam de flores, velas... cantos funerários?
Espírito: José Brasil Livro; Antologia de Poetas Espíritas

Meu Destino - Clarice Lispector

E uma desilusão.  Mas desilusão de quê?  Se, sem ao menos sentir, eu mal devia estar tolerando minha organização apenas construída?  Talvez desilusão seja o medo de não pertencer mais a um sistema.  No entanto se deveria dizer assim: ele está muito feliz porque finalmente foi desiludido.  O que eu era antes não me era bom.  Mas era desse não-bom que eu havia organizado o melhor: a esperança.  De meu próprio mal eu havia criado um bem futuro.  O medo agora é que meu novo modo não faça sentido?  Mas por que não me deixo guiar pelo que for acontecendo?  Terei que correr o sagrado risco do acaso.  E substituirei o destino pela probabilidade.
Clarice Lispector Frases e Mensagens da obra de Clarice Lispector

Servir com Jesus - Bezerra de Menezes

Servir com Jesus
Imaginemos larga região de trevas em que se arrojaram irmãos nossos imprevidentes e sofredores. Nessa estranha paisagem repontam espinheiros agressivos e furnas inquietantes nos quais companheiros nossos jazem agoniados a esmorecerem de desalento e de fome. Nada além da sombra que lhes impede a tranquilidade e cerceia a visão... Mentalizemos alguém que possui humilde lanterna capaz de fazer luz a descer do próprio conforto para ajudar... Aqui levanta os caídos, além soergue os que chafurdam em desespero... Agora, mitiga a sede dos que perderam toda a esperança, depois improvisa remédio e pão, assistência e alegria aos que gemem angustiados sob as garras da prova... Semelhante paisagem, meus filhos, é sem dúvida o retrato dos padecimentos humanos e esse alguém providencial com bastante amor para esquecer-se e alumiar os que choram ensandecidos pela névoa da ignorância ou da enfermidade, da expiação e da dor, será sempre aquele coração que use dinheiro e consolo, possib…

Resignação - Carlos Torres Pastorino

Resignação
Aceito as provações que, em meu destino rude, vêm de um Deus sábio e bom, amigo, justo e eterno! Aceito o sofrimento, infligido no inferno de uma terra imperfeita, em busca da virtude.
Aceito fome, dor, luto, vácuo, inquietude, a perda de meus bens, um frio e longo inverno, o desamparo cruel do amigo mais fraterno, o abandono total, que a todos desilude!
Aceito... aceito sim, humilde e resignado, o bem pago com o mal... e nunca ser amado...
que a ingratidão compense a todos os favores... Tudo aceito de Vós, e a Vós, meu Deus, oferto, para purificar-me o espírito inexperto, para dar paz e luz a meus perseguidores!
Espírito: Carlos Torres Pastorino Livro; Antologia de Poetas Espíritas Médium: Francisco Cândido Xavier Frases e Mensagens Espíritas de Carlos T Pastorino

Confronto - Albino Teixeira

Confronto
Não temas do plano físico: projeto que não se constrói; terra desempregada; livro que ninguém lê; receita escondida; carro sem uso... São valores potenciais, cuja significação desconhecemos. Igualmente, nos assuntos do espírito: amor sem demonstração; fé sem obras; instrução sem proveito; ideal sem trabalho; entusiasmo inerte... Assemelham-se a aparelhos e máquinas de cultura e progresso, cuja importância ninguém sabe. * Estas imagens nos fazem reconhecer que sem a necessária aplicação nos acertos e desacertos, ilusões e desilusões, conquistas e fracassos do dia-a-dia, o conhecimento espírita não passa de sonho distante, mas muito distante, do campo inevitável da experiência.
Albino Teixeira Livro: Coragem Médium: Francisco Cândido Xavier Frases e Mensagens Espíritas de Albino Teixeira

Noturno - Clóvis Ramos

Noturno
Harmonias do azul cantam pelos meus versos, cítaras e harpas, vozes em surdina, os acordes da música divina pela noite dispersos.
Vozes do coração em lânguidos sonhares, os cânticos das almas suaves, puras, as doçuras das rezas, as doçuras dos místicos luares.
Nos meus versos, a luz que dos céus irradia a Estrela, nos meus versos a beleza que eu vi, aureolada de tristeza, nos olhos de Maria.
Nos meus versos, a paz das noites consteladas, aromas dos jasmins, nardos e rosas, as brancuras das formas vaporosas, espiritualizadas...
Choros dos violões em cadências vibrando queixas boêmias pelas ruas quedas; silhuetas de amor nas alamedas, sonhando, suspirando...
Anseios de minh'alma em visões do Infinito, ternuras e dolências e queixumes, e esperanças, e dúvidas, e ciúmes, num gemido, num grito.
Vagas recordações de paisagens ignotas, de ignotos mundos fontes sussurrantes, flores de eternas formas fulgurantes, velas de estranhas rotas.
Harmonias do azul cantam pelos meus versos, …

Credo - Cármen Cinira

Credo
Creio em Deus, que gerou, sob a magnificência De um mistério estupendo, a terra e o mar profundo; Creio em Deus, que revela a singular essência Na perfeição da flor, nas grandezas do mundo.
Creio em Deus, que retrata a enorme sapiência Nas leis universais, na luz do sol fecundo; Creio em Deus, que demonstra a sua onipotência Na fé que purifica e alenta o moribundo...
Deus, que fez o perfume, as flores, a amplidão, Desde o céu constelado à relva de veludo; Deus, que o morto levanta, e é carinho e perdão...
Deus, o fanal do Bem, que chama o pecador, Que fez a criatura e que, acima de tudo, Fez a música, o sonho, e os milagres do amor!
Espírito: Cármen Cinira
Livro; Antologia de Poetas Espíritas
Médium: Francisco Cândido Xavier Frases e Mensagens Espíritas de Cármen Cinira

Passo de Luz - Emmanuel

Passo de Luz
Nas tribulações ou discórdias que nos agravem os problemas da vida, recordemos a necessidade de certo donativo, talvez dos mais difíceis na beneficência da alma, o primeiro passo para o reajuste da harmonia e da segurança. Isso significa para nós um tanto mais de amor, ainda mesmo quando nos vejamos ilhados no espinheiro vibratório da incompreensão. * Por vezes é o lar em tumulto reclamando a tranquilidade, à face do desentendimento entre criaturas queridas. Noutras circunstâncias, são companheiros respeitáveis, em conflito uns com os outros. Em algumas situações, é o estopim curto da agressividade exagerada nesse ou naquele amigo, favorecendo a explosão violenta. Em muitos lances do caminho é o sofrimento de algum coração brioso e nobre, mas ainda tisnado pelo orgulho a ferir-se. Nessas horas, quando a sombra se nos estende a vida, em forma de perturbação e desafio a lutas maiores, bem-aventurados sejam todos aqueles que se decidam ao primeiro passo da benevolência e da …

Ainda Sem Resposta - Clarice Lispector

Ainda Sem Resposta
Não mais escrever, perdi o jeito.  Mas já vi muita coisa no mundo.  Uma delas, e não das menos dolorosas, é ter visto bocas se abrirem para dizer ou talvez apenas balbuciar, e simplesmente não conseguirem.  Então eu quereria às vezes dizer o que elas não puderam falar.  Não sei mais escrever, porém o fato literário tornou-se aos poucos tão desimportante para mim que não saber escrever talvez seja exatamente o que me salvará da literatura. O que é que se tornou importante para mim?  No entanto, o que quer que seja, é através de literatura que poderá talvez se manifestar.
Clarice Lispector Frases e Mensagens da obra de Clarice Lispector

A Caridade - Leôncio Correia

A Caridade
Dos humildes irmã, e mãe dos infelizes, Abrigo-os em meu seio, acolho-os com bondade; E ao calor do meu beijo, o lírio da piedade Lança nos corações abençoadas raízes.
Povos e religiões de todos os países Conhecem do meu riso a imensa claridade; Sou santa sem ateu, tenho da humanidade O culto, a adoração entre os vários matizes.
Onde a fome organiza uma ronda sombria, Onde a miséria existe, onde a desgraça chora Apareço e, comigo, aparece a alegria.
Mensageira de Deus – do justo a alma sonora Desço, entre anjos do céu, à noite oponho o dia, E ao crepúsculo triste, o resplendor da aurora.
Espírito: Leôncio Correia Livro; Antologia de Poetas Espíritas Médium: Francisco Cândido Xavier Frases e Mensagens Espíritas de Leôncio Correia

As Moradas do Céu - Jesus Gonçalves

As Moradas do Céu 
Estrelas do infinito! Lâmpadas doiradas! Sempre luzindo assim, em flocos pequeninos, vós sois – não se duvida – as tais “muitas moradas” de que Jesus nos fala em lúcidos ensinos!
Oh! sóis maravilhosos! Mundos peregrinos, que andais em turbilhões, em loucas disparadas, sulcando o espaço imenso, a preparar destinos para as almas que estão do mal emancipadas.
Sois páginas de fogo, cheias de verdade, falando eternamente, em todas as linguagens, que mora em cada mundo igual humanidade.
Falais no mesmo tom, a crédulos e ateus: – Oh! vós que contemplais as celestiais paragens; nós somos como vós, nascidos de um só Deus!
Espírito: Jesus Gonçalves Livro; Antologia de Poetas Espíritas Médium: Francisco Cândido Xavier Frases e Mensagens Espíritas de  Jesus Gonçalves

Jesus - Cármen Cinira

Jesus
Toda me exalto, se cantar espero O brilho do teu ser deslumbrador,  Fonte excelsa do Belo e o que há de puro Que é perdão, caridade, alento, amor!
Debalde as frases (ai de mim!) apuro Ante teu vulto estranho e superior: Não dirá nunca o verbo humano obscuro A tua perfeição, teu esplendor
Tu que és tão bom, tão sábio e poderoso E da humildade o exemplo sublima Trouxeste ao mundo impuro e tão vaidoso,
Dá-me forças, na dor que aperfeiçoa, Para aceitar sorrindo todo o mal E amar a quem me odeia ou me atraiçoa!

Espírito: Cármen Cinira Livro; Antologia de Poetas Espíritas Médium: Francisco Cândido Xavier Frases e Mensagens Espíritas de Cármen Cinira

Incansável - Cármen Cinira

Incansável
Velho sonho de amor que me fascina, Causa das mágoas que me têm pungido E que, entanto, conservo na retina Como a fonte dum bem inatingido...
Flama velada, cântico em surdina De um’alma triste, um coração ferido, Nem pode haver linguagem que defina O que eu tenho, em silêncio padecido!
Mas, ainda que mal recompensado Meu amor há de sempre desculpar-te Humilde, carinhoso, devotado...
Bendito seja o dia em que te vi, Pois não há maior glória do que amar-te Nem melhor gozo que sofrer por ti!

Espírito: Cármen Cinira Livro; Antologia de Poetas Espíritas Médium: Francisco Cândido Xavier Frases e Mensagens Espíritas de Cármen Cinira

Sermão - Clóvis Ramos

Sermão
Quem tiver luz que a deixe no caminho alumiando a rota do viajor! Quem tiver fome e sede de carinho, Coma este pão, beba esta água – o Amor!
Quem tiver duas capas que ofereça uma ao que nada tem e anda curtindo o frio deste inverno, sem que a peça, sem dizer quanto frio está sentindo!
Quem tiver inimigo não se esqueça de reconciliar-se enquanto é dia, porque, talvez, depois, quando anoiteça, não mais o tenha em sua companhia.
Esta é a verdade que me transfigura: Sou pela paz, sou pela luz mais pura da Poesia que não tem fronteiras. Sou pelas almas do Ideal pioneiras,
as sonhadoras e vitoriosas almas iluminadas de Tristeza. Sou pelas mãos que cultivaram rosas para os olhos pedintes de beleza!
De caridade é que precisa o mundo. Sede bons, imitai a água corrente: Passa rolando e, indiferentemente, lava o seixo do fundo.
Sou pela glória de servir primeiro, pela libertação total da vida. Quem for melhor do que seu companheiro, cure-lhe a ferida.
Sou pelo bem e pelo verdadeiro. Toda …

As mais Vistas

Tudo é Amor - Chico Xavier

A Riquesa - Chico Xavier

A Luz Divina - Chico Xavier

Palavras de um Médico - Humberto de Campos

Palavras de um Médico
Há momento em que precisamos confiar ao Senhor a essência dos nossos mais íntimos cuidados.
A vida não é patrimônio do nosso capricho individual, é o caminho em que nos cabe marchar para a frente, sobretudo, traçado pela Divina Sabedoria.
Nem sempre sabemos o que desejamos, contudo o Mestre conhece aquilo de que realmente carecemos.
Quando seja possível ao nosso sentimento, inclinemo-nos perante os Desígnios Superiores que nos alteram os planos e prossigamos para a vanguarda de luz em que devemos situar o coração de trabalhadores do bem.
Ao médico é concedido o mais alto dos títulos na esfera de assistência à vida na Terra.  Se os sacerdotes do pensamento religioso semeiam a luz de Deus nas Almas, os médicos são os missionários do equilíbrio da existência humana, garantindo a harmonia do campo em que a fé renovadora conseguirá brilhar.
Sem duvida, contam-se por milhares aqueles que, desviados do verdadeiro sentido do trabalho que lhes compete, se arrojam aos desp…

Em Paz - Emmanuel

Salvadores falsos - Emmanuel

Salvadores falsos 

"Não creias em salvadores que não demonstrem ações que confirmam a solução de si mesmos." 

Emmanuel
Frases e Mensagens Espíritas de  Emmanuel

Boas Ações - Chico Xavier

Luz Divina - Emmanuel

Mundo Espiritual - Chico Xavier

Desencarne - Chico Xavier

Últimas Mensagens em Destaque



Últimas Mensagens de André Luiz



Últimas Mensagens de Chico Xavier